20101123

Haiku II



.
“No alto da torre: para a despedida,
Rio e planície no crepúsculo se perdem
Voltam as aves: pôr-do-sol,
O homem caminha, cada vez mais longe.”

Wang Wei (séc. VIII)

3 comentários:

  1. E que escrita esta...!!!
    A depuração profunda...

    ResponderEliminar
  2. Lindíssimo e profundo. Ao crepúsculo o homem vai com as aves. Cada vez mais alto.
    Um beijo.

    ResponderEliminar

Obrigado pela visita.
As suas palavras são importantes.